Brincadeiras para bebês de 7 a 12 meses

Por Amanda Amaral, a Doutora Mamãe!

DOUTORA MAMAE REDUZIDA

Olá, mamães e papais!

Dando continuidade aos posts do mês das crianças, hoje escrevi algumas sugestões de brincadeiras para bebês de 7 a 12 meses.

  • 7 meses:

Dar uma caixa de papelão para o bebê brincar de entrar e sair, sentar dentro da caixa, jogar brinquedos para dentro e para fora.

Fazer caretas para o bebê tentar imitar.

Encaixar potinhos um dentro do outro.

Durante a refeição, deixar que o bebê coma alguns alimentos com a mão.

Amassar alguns tipos de papel, como o papel de seda e o celofane, que fazem ruídos diferentes.

Tocar os dedos do seu bebê um por um, nomeando cada dedinho.

  • 8 meses:

Colocar o bebê deitado de lado, de forma a facilitar que se sente sozinho.

Incentivar o bebê a se arrastar.

Ajudar o bebê a levantar o bumbum, para prepará-lo para engatinhar.

Mostrar um brinquedo, escondê-lo e pedir para o bebê procurar.

Dar um brinquedo de cabeça para baixo para ele colocar na posição correta.

Brincar de imitar sons e movimentos, o bebê já começa a imitar você.

Dar brinquedos que o bebê possa fazer barulho, como um tamborzinho.

  • 9 meses:

Estimular o bebê a se levantar e ficar em pé com apoio.

Dar um brinquedo com cordinha para ele puxar e levantar pela cordinha.

Esconder um brinquedo pequeno em sua mão para ele procurar.

Rolar a bola na direção do bebê e pedir para ele ir buscar.

Ajudar o bebê a colocar tampa em potinhos.

Oferecer ao bebê objetos de texturas diferentes, como espuma, lixa, toalha, madeira, metal, borracha, lã, algodão. Nomear os objetos e explicar a diferença entre eles.

Ler para o bebê, selecionar livros que ele se interesse e consiga segurar e virar as páginas.

⇒ Ansiedade de separação: por volta de 7 a 9 meses, o bebê estranha pessoas que não lhe sejam familiares. Ele sente a ausência dos pais com muita angústia, como se não fossem mais voltar. Assim, brincar de esconder e depois encontrar, jogar e depois buscar, ajuda a diminuir essa angústia.

  • 10 meses:

Pedir para que o bebê aponte um objeto.

Ensiná-lo a fazer os movimentos de “tchau”, “sim”, “não” e “vem”.

Estimulá-lo a se olhar no espelho. Olhar um espelho é muito divertido para o bebê, e dá a ele uma outra perspectiva de quem ele é.

Pedir para o bebê entregar um brinquedo a você e esperar com a mão estendida.

Dar uma caixa para ele colocar e tirar os brinquedos, mostrando quando está cheia e vazia.

Brincar ao ar livre, deixar seu bebê engatinhar na grama e dizer o nome das coisas que ele se interessar.

  • 11 meses:

Colocar o bebê perto de móveis que ele possa se apoiar para andar, sempre garantindo um ambiente seguro.

Dar um carrinho para ele empurrar.

Dar potinhos ou caixinhas para ele empilhar.

Nas refeições, ofereça a colher para ele tentar comer sozinho.

Ao tirar a roupa do bebê, pedir para ele ajudar. Procure nomear as partes do corpo.

  • 12 meses:

Facilitar o andar, segurando o bebê pelas mãos.

Brincar de encaixar uma caixa dentro de outra. Você também pode usar um brinquedo simples e fácil de encaixar.

Dar um pote de plástico com uma tampa mal rosqueada, para que ele desrosqueie.

Brincar com jornal, revista, papel, pedir para o bebê amassar e rasgar com as mãos.

Estimular o bebê a fazer o movimento de pinça com os dedos.

Estimular o bebê a tirar seus próprios sapatos.

Mostrar livros e pedir que ele aponte objetos conhecidos.

Deixar seu bebê lhe oferecer comida, pentear seu cabelo ou qualquer outra atividade que dê a ele a sensação de que está cuidando de você.

Fazer bolhas de sabão.

Lembre-se de sempre conversar e cantar para seu bebê. Isso o ajudará no desenvolvimento da linguagem, além de fazer com que ele sinta toda sua atenção e amor.

Um beijo,

Amanda

DOUTORA MAMAE IMAGEM

Amanda Amaral é pediatra, mãe do Gustavo e autora do blog Doutora Mamãe, também com uma linda página no Facebook! É um prazer ter você conosco, Amanda!

PARA MÃES EMPREENDEDORAS!

banner-empreenda-em-casa-jpeg

 

Comments

comments

Author: Paola Lobo

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook