Leite é mesmo a melhor fonte de cálcio para o meu filho?

comidinhas da maite

Por Camila Granato

Oi pessoal! Essa semana vamos falar de uma dúvida que acomete muitos pais que vivem preocupados com a quantidade de cálcio ingerida diariamente. E essa preocupação aumenta quando a criança sai da fase de amamentação exclusiva.

Isso porque, até os 6 meses, a amamentação garante 100% da necessidade diária de cálcio de um bebê.

Mas e depois? É hora de entrar com outros leites? Derivados? Como garantir a ingestão de cálcio diária para o meu filho?

Bom, antes de tudo precisamos saber qual é a quantidade recomendada para cada faixa etária. Assim, podemos combinar os alimentos e garantir uma dieta rica em cálcio e outras vitaminas  importantes para o desenvolvimento dos pequenos.

Necessidades diárias de ingestão de cálcio:

Nascimento – 6 meses – 210 mg
6 meses a 1 ano – 270 mg
Criança 1 a 3 anos – 500 mg
Crianças de 4 a 8 anos – 800 mg
Adolescentes de 9 a 18 anos – 1300 mg
Adultos 19 a 50 anos – 1000 mg
Acima de 50 anos – 1200 mg

Fonte: http://www.milkpoint.com.br/cadeia-do-leite/leite-saude/exigencias-de-calcio-para-bebes-criancas-e-adolescentes-27963n.aspx

Depois precisamos exorcizar um grande mito. Se engana quem acha que leite de vaca e seus derivados são as únicas fontes que garantem a ingestão diária recomendada de cálcio para as crianças.

Existem várias outras opções para quem quer fortalecer os pequenos. Confira a lista abaixo:

Tofu – Queijo a base de soja super consumido no oriente. 100g de tofu têm 159mg de cálcio. Já 100g de leite contém apenas 100mg de cálcio.

Brócolis – O ideal é consumir cozido, de preferência no vapor. 100g de brócolis cozido no vapor têm até 300mg de cálcio.

Semente de gergelim – Além de serem ótimas para combater o colesterol e como fonte de fibras. 100g de sementes cruas têm 400mg de cálcio.

Soja – Muito popular entre os vegetarianos, têm hormônios e por isso deve ser consumida com moderação. Mas 100g de soja contém até 90mg de cálcio. Nas farinhas ou leite essa quantidade chega a 280g.

Linhaça – Fonte de gordura boa e ômega-3 a linhaça é cada dia mais popular na mesa dos lares brasileiros. 100g têm até 200mg de cálcio, mas é preciso consumir moderadamente pois é um alimento calórico. Essas mesmas 100g têm quase 500 calorias.

Grão de bico – Apresenta todas as vantagens da ingestão da soja com um benefício extra: não tem hormônios. Cada 100g têm até 120mg de cálcio.

Aveia – Além de auxiliar na diminuição do colesterol ruim, a aveia é um ótimo substituto para farinhas em preparações culinárias como bolos e mingaus. Pode também ser consumida crua. Cada 100g têm até 300mg de cálcio.

Chia – Além de excelente fonte de ômega 3, ferro, fibras e proteínas é uma super fonte de cálcio. Cada 100g têm até 556,8 mg de cálcio.

Ou seja, se seu filho aceita bem leite, tudo bem. Se não aceita, tudo bem também. Existem várias alternativas para garantir que o pequeno cresça forte e saudável. E você, como têm feito para aumentar a ingestão de cálcio aí na sua casa?

Beijos e até 2016!

Fonte: http://www.minhavida.com.br/alimentacao/galerias/16122-10-alimentos-fonte-de-calcio-que-nao-contem-leite/10

Camila Granato é a titia do quarteto fantástico da Mãe Pirada e mãe da Maitê, de 2 anos. Jornalista apaixonada por gastronomia, concluiu o curso profissionalizante de auxiliar de cozinha pelo Senac.

 

Você também vai curtir:

Comments

comments

Author: Paola Lobo

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook