Quando furar a orelha do bebê

Quando minha primeira filha nasceu, há onze anos, as maternidades costumavam permitir que as enfermeiras furassem a orelha dentro do hospital. Minha filhota ganhou brincos logo no segundo dia de vida, pois era uma prática muito usual na época.

No entanto, as recomendações mudam com o passar do tempo (e isso deixa a gente louca!!!).. Quando meus trigêmeos nasceram, fiquei surpresa em saber que não era mais assim! Como tive dois meninos e uma menina, eu achava que a princesa sairia da maternidade com brincos, facilitando o trabalho da mamãe em identificar mais facilmente um dos bebês. Apesar de não serem idênticos, quando recém-nascidos eram bem parecidos.  Até hoje tiro a dúvida de quem é quem nas fotos pelo brinco!

IMG_3980

Quem é a mocinha?

Foi aí que descobri que grande parte das maternidades – incluindo a minha – não permitiam mais o procedimento, que deveria ser feito após as primeiras vacinas. Já as farmácias teriam que seguir novas regras da Anvisa, como, por exemplo, furar as orelhas com pistolas e brincos especiais.

Então segui as recomendações e furei a orelha da minha segunda filhota por volta dos dois meses, após as primeiras vacinas. Sondei com as enfermeiras da própria maternidade e descobri que algumas delas faziam o serviço em casa, seguindo todos os cuidados. Foi assim comigo e deu tudo certo (assim como também deu certo com a primogênita, que tinha apenas um dia de vida!).

Segundo a enfermeira Camila Stork, criadora da página Tudo para o seu bebê, é preciso ter muito cuidado para evitar a contaminação: “O furo pode ser feito após as primeiras vacinas da RN, optando apenas por ouro e aço cirúrgico! Deve ser feito sem nenhum contato direto do brinco com as mãos para evitar infecções. O cuidado é feito com álcool a 70% e, se for recomendado, um antisséptico durante 30 dias, passando e girando o brinco”.

Mas e a dor? Segundo o pediatra que cuidou dos meus bebês na UTI, a dor é a mesma, independentemente da idade da criança. Ouvi muita gente dizer que o recém-nascido sentiria menos dor, mas como medir isso??!!! O que o pediatra me garantiu é que eu poderia ficar tranquila (mesmo minha filha tendo nascido prematura). Segundo ele, como o furo acontece numa área de cartilagem, com poucos nervos, colocar brincos seria bem menos doloroso do que aquela tenebrosa vacina da coxa!

Então, já sabemos que nem todas as maternidades fazem mais o furo. A prática comum do momento é procurar uma farmácia autorizada, que tenha pistola e brincos apropriados (não são todas). Ou então, você pode procurar uma enfermeira da própria maternidade, que faz o serviço na sua casa mesmo, furando com o próprio brinco, desde que haja todos os cuidados de higiene.

E você, já decidiu o que fazer? Quer um conselho? Converse sempre com o pediatra antes, para que você tenha segurança na sua decisão!

Slide1

 

Você também vai curtir:

Comments

comments

Author: Paola Lobo

Share This Post On

53 Comments

  1. Furei a da minha BB ontem, ela tem 5 meses e 26 dias … Estava morrendo de dó mais graças a Deus foi tudo tranquilo

    Post a Reply
  2. Furei da minha pequena com 07 dias, o mesmo dia que ela fez o teste do pezinho e tomou aquela vacina no braço, eu ja tinha comprado um brinco desde a gravidez, furei em um lugar especializado, !!!

    Post a Reply
  3. Furei a minha com 5 dias de nascida, uma amiga enfermeira veio em minha casa furar, foi rapidinho e ela nem chorou

    Post a Reply
  4. Ai aiii a minha tá com quase 6 meses e ainda não coloquei. Já passo tensão pelas vacinas, dai não tive coragem ainda. E olha q ela ganhou brincos lindos.

    Post a Reply
  5. Furei da minha miúda com 2 meses…. com um dó no coração. O pai dela quando chegou e viu chorou muito… morremos de rir até hoje disso!

    Post a Reply
  6. A minha tem um ano e oito meses… Coragem não chega nunca… Rsrs
    Oooo dó…

    Post a Reply
  7. A minha fez um ano e estou sem pressa para isso,não gosto e não acho que sou obrigada a nada,até porque como são gêmeos um não pode nem ver a pulseira do outro que já quer arrancar!Sem culpa.

    Post a Reply
  8. Farei nesta semana! A bebê está com 5 meses… TB estava criando coragem…. Furei na farmácia, eles usaram um kit totalmente descartável. Ela chorou, mas passou logo! Achei o kit bacana, já vem com o brinco e o revólver de aplicação.

    Post a Reply
  9. A minha bb tem 4 meses e estou adiando furar a orelha todo dia rsrs …estou com receio porq da minha de 5 anos ficou muito inflamado até hj coloco brinco nela só em determinadas ocasiões.

    Post a Reply
    • Poxa nao sei se vai funcionar…mas desde quando minha mae furou minha orelha quando ainda pequena, sempre inflamou…desde entao ela passou a usar em mim brinco de aço que nao tem propriedades que possam ser nocivas a orelha, aí n inflamou mais. Talvez funcione com a sua princesa *-*

      Post a Reply
    • O aço cirúrgico raramente inflama.
      Pode deixar cicatrizar com o brinco de aço e depois de 1 mês substituir pelo de Ouro.

      Post a Reply
    • A minha orelha direita sempre infeccionava, não importasse a maneira ou o material usado (ouro, linha(!), prata). Somente após meus 24 anos, quando resolvi furar pela última vez com brinco de aço cirúrgico, é que ela não infeccionou mais. Desde então, uso qualquer brinco sem problemas.

      Post a Reply
  10. Chamei um enfermeira recomendada pela pediatra da minha bebê, após as vacinas de três meses. Ela indicou um anestésico para passar a cada 15 minutos, uma hora antes do horário agendado (o que eu passei desde a hora que ela acordou). Minha bebê não chorou nada. Fiquei impressionada. Como sempre, a mamãe aqui sofreu mais que a bebê.

    Post a Reply
    • Logo vamos colocar. Já ouvi que ela tem cara de menina e não precisa, mas acho delicado e vai deixar minha pequena mais encantadora.

      Post a Reply
  11. Nas minhas furei no hospital mesmo, alguns dias depois que nasceram, não choraram quase nada e depois nem lembraram q o brinco existe, super tranquilo

    Post a Reply
  12. Levei minha filha em um acupunturista com 16 dias, ela não chorou nada, ele esterilizou o brinco dela e furou em um local da orelha que não afeta nenhuma parte do corpo … Hj ela tem 5 anos e nunca inflamou a orelha, usa todo tipo de brinco e nunca ficou sequer 1 dia sem usar.

    Post a Reply
  13. Fiquei com tanta, que só furei da minha filha qdo ela tinha 11 meses, ai minha aliança enroscou np brinco, inflamou e só furei de novo qdo ela tinha 2 anos. E só furei pq as pessoas me cobravam, uma vez na rua passeava com minha filha e mesmo ela vestida toda de rosa, uma senhora me perguntou se era menino, alegando ter se confundido já que minha filha estava sem brinco . Hj isso não aconteceria, não furaria sem que ela mesma quisesse e teria dado uma boa resposta na senhora.

    Post a Reply
    • Olá Bruna,
      Fiz o furo da minha filha na farmacia, com 4 meses. Um dos furos ficaram tortos e muito alto. Fiquei com dó de tirar e furar novamente. Agora com 1 ano e 9 meses, tirei os bricos , pq ficou muito estranho, não aguentava mais ver. A médica pediu um mês para refazer, para cicatrizar bem.
      Quero furar novamente, mas agora com enfermeira. Mas estou com medo que inflame, pois agora com quase dois anos ela pode ficar mexendo e inflamar. Queria saber como foi com a sua filha, ficou muito irritado e se ela mexeu muito?
      Agradeço o retorno.
      Muito obrigada

      Post a Reply
      • Puxa, Keila! Que luta! A orelha da minha filha começou a inflamar depois de 1 ano de idade e inflama até hoje, com dois anos e meio! Resultado: ela está sem brinco numa das orelhas. Está dando uma alergia grande. Estamos tratando, mas só melhora quando ela fica sem brinco!!! Grande beijo e melhoras pra sua filhota, viu?

        Post a Reply
  14. Furei da minha mais velha com 3 meses. Ela chorou TANTO, Mas TANTO que provavelmente não vou furar da que está a caminho…
    Eu acho que o problema foi o barulho da pistola..

    Post a Reply
  15. Furei a da minha filha na maternidade, com brinco de ouro( q é o q não inflama). Foi assim comigo qdo era bb, com a minha irmã, minhas primas, vizinhas e etc kkk acho q qdo mais tarde, pior.

    Post a Reply
  16. Eu curei a da 1° mas ñ Vou furar a da segunda… hj acho fútil e desnecessário… minha opinião

    Post a Reply

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook