Papo de mãe: a dolorosa volta da licença maternidade

WORKSHOP GRATUITO
EXCLUSIVO DA MÃE PIRADA!

logo empreenda em casa

Olá mamães!

Batemos um papo com as mamães sobre VOLTA DA LICENÇA MATERNIDADE! Os depoimentos foram postados na nossa página do Facebook!

Daniela Pereira de Faria

Tá sendo mais difícil pra mim ficar em casa agora depois q fiquei s.emprego do que ter saído da licença maternidade rs

Andrea Sanches Garcia

Meu filho está com 40 dias hj e confesso, não sei como vai ser quando tiver que voltar ao trabalho, certeza que vou sofrer muito mesmo já sendo mãe de segunda viagem, minha mais velha já está com 18 anos, talvez por essa diferença tão grande entre um filho e outro que me faz mais babona…fico triste só de pensar nisso!!!

Céu Diniz

Volto em janeiro, e só de pensar já fico triste..

Natália Fabiano Maria Antônia

Ai ai ai eu ainda não voltei a trabalhar ,mas já está bem próximo,mas só de pensar já me da um nó na garganta,hoje era dia de levar ela pra creche pela primeira vez não dormi a noite e dei dor de barriga por ansiedade,no final das contas eu não levei ela rsrsrs to sofrendo viu.

Bruna Sersosimo

Da minha primeira filha voltei qnd ela tinha 10 meses… Chorei um dia inteiro… Meu peito inchou…senti dor… Foi horrível rs
Dessa vez volto 16 de novembro… Já estou sofrendo por antecedência rsrs Pelo menos agora sou coordenadora da escola e lá tem berçário, onde o Rafael vai ficar… Mesmo assim dói, vou levar ele de manhã cedo comigo e nunca tenho hora pra voltar, sinto que vou sacrificar ele, mas não tenho outro jeito.
Sei que algumas pessoas vão dizer “ah pelo menos ele vai estar com você”, mas não é bem assim… Não vou poder ficar indo ao berçário a todo momento, vou ter que ouvi-lo chorar e não ir atrás, a não ser que me chamem… Já estou na sofrencia rsrs
Mas vai dar tudo certo se Deus quiser!!!

Fabiana Ferreira Fernandes

Volto semana que vem, na terça. Estou arrasada… Apesar de estarmos fazendo adaptação há um mês, até chegar ão meio período, hj, ão deixar ele até as duas, desabrigadas em lágrimas. Aceito dicas para amenizar o sentimento de culpa e tristeza. Sou concursada, então, não rola deixar o emprego…

Luyse Varela de Freitas

Eu ainda não voltei, mas está próximo, a vantagem é que trabalho em uma escolinha e ele vai junto kkkk

Edha Laia

Ai que esta… volto em janeiro e ja nao sei como vai ser… to pensando seriamente no caso de sair do trab so pra ficar com meu gordinho… pelo menos um ano… depois eu volto ao mercado de trab.

Claudia Medreiro

 Eu só volto em Janeiro, mas já estou sofrendo. E olha que ja tenho um filho de 21 anos, 1 menina de 12 anos, com eles não sofri tanto, mas agora está difícil…

Norma Vieira

Tremo só de pensar que vai chegar essa hora… Faltam 6 meses, mas tento pensar nisso para tentar me acostumar com a situação…

Tatiane Motta

Eu ficava com o sentimento dividido entre o alívio de “descansar” da cria e a saudade!

Ana Paula Santos Souza

Eu não vou voltar, eu sai um mês antes e o medico me deu 4 meses. Eu tentei conversar, até pedi para a empresa me dar os outros dois meses, eles se negaram. Meu bb vai fazer 3 meses e não pega mamadeira, eu não tenho com quem deixar e creche não pega com essa idade. Pirei de vez agora….hehehe

Ionny Godoy

Da primeira não trabalhava, no segundo trabalhava mais o negócio era meu mesmo assim tirei os trintas dias de licença mais agora na última consegui ficar só sete dias em casa ela vem todos os dias comigo

Priscila Medeiros

Chorei, chorei, chorei horrores!!! Foi um dos piores dias da minha vida. Mas foi tranquilo, bem melhor do que eu tinha imaginado, sofri por antecedencia. Mas dá saudade de tudo, mas foi muito bom voltar a rotina, ficar em casa cansa mais do que trabalhar rsrsrs atualmente a minha bebê está com 11 meses e estou sem trabalhar. Aproveitei toooooda essa fase divina!

Natália Oliveira

Com medo desse dia

Thais Prado

Ai volto nessa quinta- feira, morrendo de dor no coração e um sentimento imenso de culpa, justo na fase q o bebê estranha todo mundo, chora quando não estamos por perto, não sei como vai ser!

Jéssica Paixão

Ainda faltam 5 meses mas da uma dor no coração só de pensar

Vívian Lima Fernandes

Faz 7 anos e meio e nunca voltei… Rs

Letícia Brandão

Eu volto quinta-feira…mas estou com medo dele largar o peito

Raísa Cavalcante

Eu mudei o turno para a noite e está sendo beeem mais fácil! Sarah fica com o pai e tudo tá certo… Sempre que posso ligo e pergunto como tá as coisas aqui!

Elaine Castilho

Hj fiz a matricula da Leticia na creche, procuro não pensar muito nisso pra não sofrer com antecedência. Todos me dizem que vou sofrer muito mais tbm penso que vou fazer coisas que com ela eu não consigo agora, e o trabalho é pra poder dar o melhor pra ela, não digo em bens materiais mas em conforto, porque amor nunca vai faltar.
Quando ela realmente for eu conto como me senti

Cibele Maciel

Sou mãe de gêmeas, minhas primeiras filhas e moro longe da família . Tentei todas as alternativas para estender minha licença maternidade, sem sucesso. Tentei voltar mesmo achando injusto sacrificar a amamentação. Ao invés de diminuir minha carga de trabalho me mudaram de função e eu acabei não dando conta do recado. Fui demitida. E agora sigo na campanha da extensão da licença maternidade para mães de gemelares.

Lyziane Medeiros

Eu confesso que fiquei muito feliz em voltar da licença maternidade. Não aguentava mais ficar em casa sozinha com o bebê. Isso sim me deixou com a consciência pesada.

Karla Ferreira

Eu volto daqui duas semanas… a bebê já está fazendo adaptação na creche e tudo. O coração fica na mão, mas não tem jeito… preciso trabalhar! Estou lendo tudo q posso a respeito e rezando muito!!

Caroline Fernandes

Voltei segunda passada,e confesso que pensei que tivesse que ir para o plantão ,pq juro tive todos os sintomas de um infarto kkkkk…. Tanto que peço todos os dias para o meu chefe de setor me demitir pq não quero,não posso e não vou ficar longe do meu bebê.

Regiane Concilia Cardoso Hidalgo

Do meu primeiro consegui ficar em casa (sistema de home office) até ele completar 3 anos, agora não vai ter jeito, vou voltar e o bb estará com 5 meses! Acho desumana a licença brasileira, pouquíssimo tempo p/ ficar c/ nossos filhos…

Lohane Borges Leal Lima

Peguei 7 meses de licença, volto ao trabalho dia 16/12/ 15. Já estou sofrendo, e moro a cinco minutos do meu trabalho, e almoço em casa, mas mesmo assim acho que ninguém cuidará como eu.

Lorena Fleck

Estou quase voltando… parece que foi ontem que afastei que pegava o atestado para entrar de licença… tive 7 meses de afastamento. Estou muito apreensiva, tentando ja deixar ela adaptada para ñ sentir tanta minha ausência…

Raquel Lanna

Hahaha não voltei! Rsrs, quando eu ia voltar descobri q tava grávida dinovo!
Pedi conta! Minha mais nova está com 4 meses, nem penso en trabalhar fora por enquanto. Em compensação em casa com as duas, bem que merecia uns quatro salários. Kkkkkkkk

Carla Carvalho

Eu não voltei,feliz pelas mães que conseguem,mas eu não consegui.Vou ficar com ele até 1 aninho,tenho seguro até lá e vou curtir ao máximo.

Simone Gasparetto

Volto amanhã gente. Ai meu coração.

Monike Do Monte

Voltei tem 1 semana , os primeiros dias foram realmente muito difíceis , ela está ficando com minha tia na minha casa, ligava direto para saber como ela estava , se tinha comido, se dormiu , se chorou e etc, foi horrível, faltava um pedaço de mim, mas tive que ir me adaptando e agora Ta tudo bem, agora estou mais tranquila , ela está se adaptando bem.

Marina Ferreira

No trabalho tenho 1 hora de almoço e posso beber agua kkkk

Gabriela Carvalho

Mês que vem eu volto… To com o coração na mão e não durmo bem a noite pensando nisso!

Juliana Nogueira

eu to na terceira licença e volto amanhã para o trabalho, confesso que estou sentindo um aperto no coração, mais vai dar td certo, se Deus quiser….

Poliana Dias

O primeiro nem consegui voltar. So quando ele fez 2 anos . Agora ele tem 5 e a minha caçula tem 4 meses e meio Dessa vez, ja volto na segunda…. Coração ta apertado mas sei que ela vai ficar bem com a vovó. …

Sath Alencar

Voltei da licença meio no susto, tinha planejado esse momento dez da gravidez. Combinei com a faxineira aqui de casa para ela ficar com o bebê, durante toda a licença ela vinha uma vez na semana e passava um tempo com a criança tudo muito organizadinho …. Es que chega o momento, teria q voltar em uma semana e combinei dela começar a trabalhar diariamente (minha avó estaria junto para dar uma força) no dia marcado ela não apareceu… Perdi totalmente a confiança e no mesmo dia matriculei a pequena numa creche. Precisei estender em uma semana a volta por causa da adaptação. Minha filha fica na creche em horário integral e naquele momento tão pequena, ficava cansada e chegava em casa dormindo todos os dias, ia para a creche dormindo também…. Foi sofrido, passei meses vendo minha pequena acordada somente nos fins de semana ou pelas câmeras da creche (que eu olhava o dia todo). Hj ela está com dois anos e a cada dia fico mais feliz por ter tomado essa decisão.

Penelope Martins

Do meu primeiro filho eu só voltei a trabalhar depois de um ano. Como ele já era beem esperto, andava desde os 8 meses e ficava muito à vontade com outras pessoas meu sofrimento durou +/- uma semaninha. 6 anos depois, com a caçula que nasceu prematura, assim que a pediatra liberou ela p/ sair de casa (aos 3 meses) eu decidi levá-la p/ o escritório cmg já que eu ficava sozinha. Montei o berço de camping na minha sala…. Mas ela exigia muuita atenção e eu estava pirando pra dar conta do serviço e dela ao mesmo tempo. Tinha a introdução da frutinha e td mais. Pedi arrego e levei ela p/ a mesma escola do irmão, onde todos já estavam esperando por ela desde a gravidez. Ela tbm se saiu muito bem! Nunca chorou na porta da escola, pelo contrário, chorava quando eu tirava ela da berçarista, e isso me tranquilizou muito. Resumindo a segunda vez: conseguir trabalhar tranquila e ver que a neném está bem cuidada tbm facilitou muito as coisas

Natália Kussler Heberle

Da 1 vez voltei depois da licença de 4 meses….foi suuuuper dificil, mas acabou acostumando…..da segunda vez parei de trabalhar. Entrei em licença saúde final de agosto/14, ele nasceu em novembro, ficou 93 dias na uti, e exigia mt atencao depois da alta. Fiquei meses sem sair de casa pq ele nao podia, nem recebia visitas. Hj ele esta com 11 meses super bem! Mas tenho certeza que muito é devido ao cuidado que tive com ele. Nasceu com uma ma formacao no diafragma, que descobri com 16 sem de gestacao, e prematuro de 31 semanas. Fiz cirurgia intra-uterina, e ele operou com 3 dias de nascido. Depois de td o que passamos, com certeza a decisao de ficar em casa foi a melhor! Pra tda familia, apesar de ser bem mais trabalhoso, dificil tb em termos financeiros. Ver ele bem interagindo com a mana em casa é um presente de Deus!

Cibele Cunha

 Fiquei muito preocupada e pensar nisso era uma tortura, quando estava grávida e nos meses antes de voltar. Mas por outro lado estava aliviada por poder sair um pouco de casa. Trabalhar fora e conviver com outras pessoas me faz falta, ainda mais que fiquei de repouso na gravidez e só saia de casa pra ir ao médico…

Sacha Porto Gembarowski

Hoje fez 1 semana que voltei ao trabalho e digo duas coisas: 1° A angústia que sentimos ao pensar na separação só vai desaparecer no dia que fechar a porta e ir para o trabalho.. Até lá, o sofrimento é grande. 2° Não é tão difícil como parece ser. Se mergulhamos no trabalho e confiamos que está tudo bem com os pequenos, quando percebemos já está na hora de voltar para casa e saborear o doce reencontro!!

Mileide Campanha

Primeira filha: chorei por um mês ao pensar em voltar ao trabalho. Qd voltei chorei por mais um mês.. Agora na segunda filha acho q será mais tranquilo. TB descanso mais no trabalho do q em casa!!! Rs Oremos!!

Fabiana Padovani

Voltei há exatos 2 anos. Confesso que foi horrível. Chorei muito, mas me adaptei com o tempo. Graças a Deus tenho a ajuda divina da minha mãe para cuidar da minha filha. Mesmo assim ainda me sinto um pouco culpada por deixá – la um dia inteiro. Mas, enfim…

Mãe , concurseira e Nerd

Bem eu cheguei abri mão de 2 concursos, para poder ficar com meu bebe ate ele ter 2 anos, e ano que vem ele completa já 2 anos e devo voltar a estudar para concursos e estou com coração apertado, se deus quiser tomarei posse em algum .

Fabiane de Oliveira

Quando saí de licença da facul, já me preocupava pq sabia q quando fosse pra voltar seria um dilema, e foi! Eu me sentia extremamente culpada, mesmo ela estando com a avó, sendo mto bem cuidada, eu ligava a tarde toda, foi complicado me desapegar um pouco e direcionar minha atenção para as aulas, mas depois consegui, e vi q não precisava me culpar, até pq ser mãe não quer dizer q precisamos abdicar da nossa vida e viver exclusivamente para o filho!

Andrea Amaral Cunha

Claro q me senti um pouco culpada qd voltei a trabalhar e deixei minhas filhas na creche, mas ao mesmo tempo senti uma sensação de liberdade maravilhosa, e q ainda tinha a minha vida particular. As horas de almoço são usadas para academia, depilação, massagem, etc. E no caso das gêmeas, tenho a mesma sensação q vc, me canso mais em casa do que no trabalho!

TatyRe Santiago

Não voltei e as vezes acho que quando ficamos mais tempo em casa é pior. As vezes me pergunto se não seria mais facil quando ela tinha cinco meses. Tenho quase certeza de que quando eu resolver voltar vai ser pior pra mim do que pra ela. Meu coração dói só de pensar em me afastar dela.

Rosana Silveira Lopes

Amei voltar a trabalhar! Fiquei 8 meses em casa e já não aguentava mais. Pra mim, voltar ao trabalho foi como voltar a ser um pouquinho eu. Minha irmã e meu marido se revezaram nos cuidados com meu filho. Então, pude voltar a trabalhar tranquilamente.

Regiane Santos

Voltei dos dois faz falta mais ao mesmo tempo faz bem p nos e para eles….

Cintia Santana Penha

Tenho um filho de 10 anos. Na época que voltei a trabalhar ele tinha 4 meses. Foi tranquilo pq ele ficou com a minha sogra. Porém quando ele tinha 9 meses mudamos de cidade, fiquei em casa com ele até completar 1 ano e dois meses. Sei que para muitas mães fui privilegiada, porém para mim ainda e motivo de arrependimento até hoje. O tempo passou muito rápido, nao vi meu filho crescer, nao aproveitei as melhores fases da vida dele, nao acompanhei as primeiras palavras, os primeiros passos…. Esse tempo nao volta. Hoje estou em casa, com a vida financeira um pouco mais controlada decididos eu e meu esposo por acompanhar de perto a fase da pre adolescência, que também exige muito dos pais. Boa sorte meninas!

Iza Pereira

Do meu primeiro filho foi super difícil…chorei horrores. E daqui há 8 dias vou ter que passar por tudo de novo. Volto ao trabalho faltando 1 semana pra minha JÚLIA completar 6 meses. Tô angustiada, não por preocupação, pq tenho uma pessoa que trabalha na minha casa há 3 anos e confio 100% nela, além disso meu marido é policial e a escala é ótima, mas é pela separação mesmo. Já faz 1 mês que tô sofrendo…sei.q depois passa, mas isso não diminui a angústia.

Romaci Silva

Ola queridas, bom sou mãe de primeira viagem, meu filho tem um ano e um mês, pra ser sincera sofri somente na primeira semana, depois relaxei e como vc disse o trabalho e praticamente um descansojá que meu menino e daqueles bem arteiros. Sofro ate hj com o sono pois dormir não existe no vocabulario do meu baby, ele acorda e uma da manhã e brinca até as cindo, e as seis acordo pra trabalhar. Enfim ser mão não é uma tarefa facil mas amo meu bicihno mais que tudo.

Milleni Castro Tamer

Nunca mas tive coragem de voltar, a primeira já tem 9 anos e vivia dodoi qando menor, agirá vieram os gêmeos estão 1,7 meses.mas to sonhando em voltar o qanto antes.sou.mesmos desencanada agora.

OIiveira Iu

Para mim foi muito difícil, pois deixei a minha com 7 meses na creche, que eu nem tinha muita indicação…Deixar o q temos de mais precioso na mão de quem não conhecemos traz muita dor e culpa…Já faz 3 meses que voltei e cada virose que ela pega, me sinto péssima.por submetê-la a isso tão novinha…Mas se temos que trabalhar, não há nada que possamos fazer ne? Somente compensar com muito amor quando chego em casa

Obrigada, mamães, por compartilharem essa experiência!

Você também vai curtir:

Comments

comments

Author: Paola Lobo

Share This Post On

43 Comments

  1. Acho que vai ser o momento mais difícil da minha vida. Foi difícil, mas depois de quase um mês tentando, finalmente ela pegou a mamadeira, mas só mama nela qdo está realmente com muuuita fome, só que ela tem mania de mamar no peito p dormir, chora mto até pegar o peito. Daqui uma semana eu volto ao trabalho e já estou sofrendo muitíssimo, muito mesmo rsrsrs

    Post a Reply
    • Eu volto a trabalhar dia 12 de dezembro e todos os dias já estou chorando só de imaginar em ficar longe da minha filha

      Post a Reply
      • Força, Keyla! Vai dar tudo certo, viu?

        Post a Reply
  2. Volto dia 01/03/2016, consegui 6 meses e mais férias. Essa data esta assombrando! Mas preciso relaxar pra curtir o tempo que resta com ela!

    Post a Reply
  3. Volto em fevereiro ainda não dei outro leite dou leite materno na mamadeira as vezes pra ele pegar o bico não sei qual leite dar comprei nestogeno mais a medica mandou dar nan todos falam q não resseca e tbm é mais caro tenho mais dois filhos não posso comprar leite caro só vou dar mamadeira enquanto trabalho alguém já deu nestogeno pro BB com qnto tempo meu BB ta com um mês e meio

    Post a Reply
    • Meu bebe tem 5 meses e toma o nestogeno .. quando ia voltar a trab a medica me deu 3 opcoes de leite o nan o nestogeno e o aptamil falou que eu poderia escolher um dos 3 pois todos eram bons.. o nestogeno 1 e de 0 a 6 meses ai depois passa para o 2.

      Post a Reply
    • Eu dou o nestogenio. Pra me foi melhor q o nan. Minha bb tem 3 meses.

      Post a Reply
    • Veridiane Penha Mamprin, os meus tomaram Nestogeno desde o primeiro mês, já que era bem mais barato (e aqui tudo multiplica por 3). Nunca tiveram problema! Vai dar tudo certo!!! <3

      Post a Reply
    • Eu dei hoje a tarde pra ele pegou bem graças à Deus obrigada e parabéns pela página sempre vejo o plantão da madrugada

      Post a Reply
    • Ana Laura pq vc nao tira o leite com a bombinha e congela pra quando vc tiver trabalhando ele tomar na mamadeira? Sai bem mais em conta ne rs sem contar que nao ele nao vai abrir mao do leite materno!

      Post a Reply
    • Então achei q poderia fazer isso mais ele vai ficar na creche pública e la nao aceitam isso é assim q funciona fiquei indignada mais é isso

      Post a Reply
    • Nossa que absurdo ne? Eles nao podem estipular o tipo de leite que seu filho vai tomar! E a eletrica eh beem melhor e mais $$ rss. Boa sorte entao!

      Post a Reply
    • Minha tem 5 meses volto mês que vem,dou leite materno e comecei uma vez ao dia da mamadeira optei por experimentar o nestogeno por ser mais barato rs ela aceitou bem e não fez mal nenhumme

      Post a Reply
  4. Quando se volta ao trabalho ja tem que acostumar com a mamadeira antes? Eu ainda estou gravida e isso ja me preocupa. A partir dos 3 meses na parte da manha ficarà com o papai.

    Post a Reply
    • Paloma Magalhaes, hoje aconselham aleitamento exclusivo no peito até os seis meses, mas comigo isso foi impossível. Com a minha primeira filha, introduzi mamadeira com 3 meses (porque eu voltaria ao trabalho com 4 meses). Ela detestou e voltei a trabalhar desesperada. O que aconteceu? Dentro de poucos dias se adaptou!!! Já os trigêmeos nasceram mamando peito e mamadeira e não tiveram problema de adaptação. Vai dar tudo certo!!! <3

      Post a Reply
    • Obrigada Mae pirada, estou adorando sua pagina e aprendendo muito, tudo é valido para mim e ainda mais que sou mamae de 1 viagem. Vou tentar introduzir os 2 para ela nao estranhar quando eu voltar .

      Post a Reply
  5. Voltei a trabalhar dia 20 meu BB ficou 5 dias sem mamar pois não quis saber da mamadeira está muito difícil pra mim, da minha outra filha não teve problemas só peço pra Deus pra passar essa fase rápido .

    Post a Reply
    • Vai passar Joziane Moreira Benetati! A minha mais velha tb ficou dias sem mamar, mas uma hora se adaptou como mágica! Vai dar tudo certo!!! <3

      Post a Reply
  6. Volto a trabalhar na quinta feira. Minha bebê TBm nao quer saber de nada além do peito. To sofrendo, Pq e Aé ela nao comer mesmo nada e ficar com fome??? Mas, espero que seja parecido com o relato dessa mãe. Espero que dê tudo certo.

    Post a Reply
    • Esse relato é meu! No início, ela pulou as mamadas. Depois, se adaptou como mágina! Fique tranquila, porque vai dar tudo certo!!! Grande beijo!

      Post a Reply
  7. Hoje é o meu retorno ao trabalho, curti cada momento com ela antes de sair, chorei, mas passou. Estou contando as horas pra voltar pra casa. Mas está sendo melhor do que eu pensava.

    Força para rodas as mamães que vão voltar a trabalhar

    Post a Reply
    • Obrigada, Thuane Gloria! Vc resumiu minhas palavras… Eu achei que fosse bem pior, mas as crianças me surpreenderam!

      Post a Reply
  8. Vivo este dilema, minha licença 6 meses acabou dia 24 de outubro e eu não consegui voltar a trabalhar… Minha bebê esta com quase 7 meses e não aceita mamadeira e já come papinha mas o leite ainda é o principal alimento, queria conseguir voltar, mas nao tenho coragem de deixá-la

    Post a Reply
  9. Tive que sair um mês antes de licença, por questão de saúde. Volto a a trab um mês antes. Torcendo para fevereiro demorar , tipo uns três anos, para chegar

    Post a Reply
  10. Nossa volto a trabalhar no final de Janeiro.Estou muito preocupada pois já comprei 4 tipos de mamadeiras diferentes, ja tirei meu leite do seio na bombinha e minha filha não pega nem mamadeira e nem chupeta de jeito algum…ela só aceita o peito!

    Post a Reply
  11. Volto na primeira semana de janeiro,to sofrendo primeira filha….mas é preciso né não ganhei na mega rs,irá ficar na creche se deus quiser dará tudo certo,boa sorte para nós …

    Post a Reply
  12. Que bom ler que não sou a única a ver meu coração despedaçado ao pensar em deixar minha filha na creche! Como é difícil! Eu não paro de pensar como vão cuidar da minha bebê….. ela é tão linda e indefesa! Minha vontade é largar o emprego, mas sei que vou me arrepender disso depois. Eu fico pensando: será que vão pegá-la no colo quando ela chorar? Sinceramente eu acho que nem sempre e nem tão rápido como eu faria, e isso me deixa com dó dela, antes dela passar por isso (se passar). Ai, aguenta coração!

    Post a Reply
    • Força, Fernanda!!! Sei que é muiiiiito difícil, mas as crianças se adaptam (melhor do que nós…rs). Beijos!

      Post a Reply
  13. oi gente boa tarde, quando tive minha filha não consigui, trabalha, só depois que minha filha cresceu,voltei trabalhar. quero compartilhar visete nossa loja,www.nutritivasaude.com.br

    Post a Reply

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook