O papai ajuda?
jul29

O papai ajuda?

Quando temos filhos pequenos, muita gente pergunta: o papai ajuda?  A própria pergunta já parte do princípio de que o pai é um coadjuvante, porque “ajudar” significa contribuir com aquele que faz a atividade principal (= mãe). É cultural achar que o pai tem que dar apenas uma “mãozinha”, em vez de assumir 50% dos trabalhos. Meu lado xiita, encrenqueira, rabugenta e fundamentalista acha que o pai não tem só que “ajudar”, mas sim...

Read More
Criando “machinhos” e “mocinhas indefesas”
maio27

Criando “machinhos” e “mocinhas indefesas”

Sim, somos um blog de humor, mas é impossível ficarmos calados diante do noticiário de barbáries, como estupro coletivo, ou individual, que pra mim é tão absurdo quanto… Segue um trecho do meu livro, exatamente sobre como podemos contribuir para um mundo melhor. Coisa feia é criar menino como machinho, mini-troglodita, pegador. Vejo mães rirem porque os filhos crianças já chamam as meninas de “gostosas”. Mães que acham graça...

Read More
Troninho ou redutor de assento?
maio17

Troninho ou redutor de assento?

Publipost Quando desfraldei minha filha mais velha, há quase dez anos, tive que optar entre o troninho e o redutor de assento sanitário (aquela tábua menor que acoplamos à tampa do vaso).  Comecei com o peniquinho, porque ela ainda era pequena (tinha aproximadamente dois anos) e costumava se desequilibrar no vaso. No entanto, à medida que ela foi se sentindo segura, passei logo para o vaso com adaptador, mais prático, pois basta dar...

Read More
10 dicas para o desfralde diurno
maio15

10 dicas para o desfralde diurno

Minha filha mais velha começou o desfralde por volta dos dois anos. O diurno foi rapidíssimo: em três dias ela entendeu o recado. Mas o noturno demorou muitoooo, o que vou falar em outro post. Já com os trigêmeos, decidi esperar mais um pouco. Quando o trio completou dois anos no auge do verão, pensei em aproveitar o momento, mas resolvi segurar minha ansiedade, pois a turminha ainda não demonstrava os sinais de maturidade (que vou...

Read More
Mães reais
maio11

Mães reais

Você ama seu filho, mas está exausta? Pede pra Deus pra que o filhote durma mais um pouquinho? Depois fica culpada de incomodar Deus com essas coisas? Mas mesmo assim volta a pedir na noite seguinte? Você ama seu filho, mas às vezes se sente sozinha? Sente falta de fazer algumas coisas que fazia antes? E se acha desnaturada por se sentir assim? Seu filho está na fase da pirraça e às vezes você perde a paciência? Ou de vez em sempre?...

Read More
Baby blues: a melancolia pós-parto
abr24

Baby blues: a melancolia pós-parto

Você sentiu um desânimo, uma tristezinha ou melancolia no pós-parto? Não conseguiu ser aquela mãe de comercial de margarina, feliz e sorridente após a chegada do bebê? Demorou um tempinho para sentir aquele louco e incondicional amor pelo seu filhote? Ficou com um pouco de vergonha em parecer desnaturada e evitou comentar com os outros? Você pode estar sofrendo do chamado baby blues. Trata-se de um fenômeno muito comum, tipicamente...

Read More
Manual da visita legal
abr13

Manual da visita legal

Você vai conhecer um recém-nascido, mas não quer incomodar? Quer ser uma visita elegante? Então basta seguir algumas dicas! Visitas legais… …perguntam primeiro onde a mamãe prefere ser visitada (no hospital ou em casa). Cada mamãe tem uma preferência, então é bom sempre estar informado antes! … esperam passar as primeiras semanas (ou o primeiro mês) para aparecerem na nossa casa. A mamãe costuma ficar muiiiiito...

Read More
Bebês com sensor de presença
abr11

Bebês com sensor de presença

Quem tem filhos com sono agitado sabe o sacrifício que é colocá-los pra dormir. Depois, é uma luta pra mantê-los no berço. Fazemos de tudo para que o gigante não acorde, né? Desenvolvi várias técnicas, porque aqui em casa são vários gigantes. Quando eles tinham apenas meses, eu prendia respiração, espirro, tosse… Corria ao cômodo mais distante da casa para tossir em paz. Mas nem sempre adiantava, pois essas vontades costumavam...

Read More
Facebook