Introdução alimentar : fruta ou papinha?

comidinhas da maite

Por Camila Granato

Oi pessoal! Estamos de volta com um tema que dá muito pano para manga. Não sei com vocês, mas a Introdução Alimentar aqui em casa foi o que rendeu mais insegurança. Era medo de escolher o método errado, o alimento errado, a apresentação errada.

E se tem algo que aprendi com a IA (vamos chamar carinhosamente a Introdução Alimentar assim, o que acham?) foi que cada forma de apresentar o alimento tem a sua vantagem.

No caso das frutas “in natura”, os principais benefícios que encontrei foram sabor e vitaminas preservadas. Em alguns casos, utilizava o método BLW – depois falamos mais sobre isso – e a aceitação era bem bacana.

No caso das papinhas, as principais vantagens foram o reaproveitamento e armazenamento. Ou seja, aquela frutinha que estava passando do ponto era prontamente cozida, processada e congelada. Ideal para quem trabalha fora e não tem como fazer papinha todos os dias.

Eu, particularmente, sempre dei preferência para as frutas in natura. Mas sou super contra desperdício e já salvei muita frutinha em forma de papinha. E aqui em casa, as duas fazem super sucesso. E aí, o que deu mais certo?

Maitê toda feliz com a cadeirinha de papá!

Maitê toda feliz com a cadeirinha de papá!

receitinhas da semana

Vamos de receitinha?

Papinha de banana e maçã

Ingredientes:

2 bananas bem maduras

2 maçãs

50 ml de água filtrada

Modo de preparo:

Descasque todas as frutas e coloque numa panela com a água. Mantenha em fogo baixo e mexa de vez em quando. Cozinhe por aproximadamente 25 minutos ou até as frutas estarem bem macias, Retire, espere esfriar e bata no liquidificador ou com o mixer. Coloque em potinhos com tampas e assim que estiver bem frio leve ao congelador. Para servir, retire com pelo menos 2 horas de antecedência. Se ainda estiver muito gelada, vale esquentar em frações de 15 segundos no microondas antes de servir.

Dica: Se você tiver panela ou recipiente para cozinhar alimentos no vapor, não é necessária a adição de água!

Dica 2: Não precisa adoçar.

Camila Granato é a titia do quarteto fantástico da Mãe Pirada e mãe da Maitê, de 1 ano e 8 meses. Jornalista apaixonada por gastronomia, está concluindo o curso profissionalizante de auxiliar de cozinha pelo Senac.

Quer falar com Camila Granato? 

Escreva para comidinhasdamaite@maepirada.com.br

Comments

comments

Author: Paola Lobo

Share This Post On

6 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook