Meu filho não bebe água

Muitas mamães sofrem porque os filhos simplesmente não bebem água. Até nós mesmos, adultos, às vezes temos dificuldades de lembrar e só ingerimos quando estamos realmente com sede. Mas a formação desse hábito é importantíssima para a turminha.

Um dos grandes erros é achar que líquido é igual a água. Na verdade, não devemos trocar água por sucos, refrigerantes e bebidas à base de soja. É o que garante a gastropediatra Dra. Mariana Deboni. “Poucos sabem, mas esse costume é prejudicial à saúde. Ele aumenta o risco de cáries e obesidade. Além disso, em grandes quantidades, alteram a aceitação da comida, causam dor abdominal e flatulência”, argumenta. O ideal é deixar essas bebidas para a hora do lanche. Após as refeições ofereça água (50 – 100 ml para as crianças pequenas e 200-300 ml para as maiores).

Andei pesquisando, por conta própria, outras dicas para estimularmos os filhotes a beberem água:

Após os seis meses de aleitamento exclusivo, ofereça primeiro água, em vez de apresentar o suco. Se o bebê se acostumar ao “docinho” do suco, pode se desinteressar pela água;

Durante a introdução alimentar, apresente papinhas de frutas, com água nos intervalos. Após algumas semanas, quando a criança já tiver se acostumado a beber água, apresente o suco.

Sempre, em qualquer idade, prefira fruta ao suco, porque tem mais fibras e é mais nutritiva;

Tenha sempre água à mão, em local visível e de fácil acesso;

Apresente a água em copinhos coloridos e atraentes, para despertar a atenção da turminha;

Ofereça água mesmo que a criança não apresente sinal de sede.

Boa sorte e bom verão pra nós!

 Colaboração: Dra. Mariana Deboni, gastropediatra.

– Médica especialista em Pediatria pela Sociedade Brasileira de Pediatria.

– Médica especialista Gastroenterologia Pediátrica pela Sociedade Brasileira de Pediatria

– Médica da unidade de Gastroenterologia Pediátrica do Instituto da Criança do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP)

– Pediatra do corpo clínico do Hospital Sírio Libanês em São Paulo.

– Médica consultora da FPIES Brasil

Slide3

Você também vai curtir:

Comments

comments

Author: Paola Lobo

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook